Em recente pesquisa, o Google revelou o crescimento do interesse em beleza e cuidados com a pele negra. Contudo, há ainda desconhecimento por parte do mercado sobre tratamentos de rejuvenescimento para pele negra.  

A pesquisa citada buscava entender o mercado de consumo de cosméticos por mulheres negras no Brasil. A Think With Google apontou que houve um crescimento de 60% nas buscas por cosméticos para pele negra. O estudo ainda revelou que 50% das mulheres compram maquiagem para pele negra. Dados que mostram grande potencial para oferecimento de procedimentos, sobretudo tratamentos a laser para a pele negra, que por anos foram um tabu no segmento de beleza. 

Empreendedoras e empresárias no ramos de beleza e maquiagem têm trabalhado para atender este mercado em expansão. O maior exemplo disso é a marca Fenty Beauty, da cantora Rihanna. Lançada em 2017, inaugurou uma nova era no mercado de beleza focando em produtos para pele negra, atendendo a demanda de 70% das mulheres negras, que afirmam estar insatisfeitas com as opções atuais.

Tal revolução também é esperada no ramo de dermatologia. A mesma pesquisa da Think With Google revelou que cresceu 15% a busca específica por produtos de skincare para pele negra. Este dado aponta diretamente para  uma real oportunidade para dermatologistas e outros profissionais que queiram expandir seu portfólio, investindo em plataformas que promovam o rejuvenescimento aplicado à pele negra, principalmente em procedimentos a laser. 

Pele negra e rejuvenescimento

Como se sabe, a pele negra é um fototipo que, tecnicamente, envelhece mais devagar. O alto grau de colágeno presente na pele retarda o aparecimento de rugas. Porém, a maior presença de melanina pode causar manchas e outras doenças cutâneas.

Ao estabelecer um parâmetro para envelhecimento baseado apenas em aparecimento de rugas, exclui-se toda uma enorme quantidade de pessoas que procuram tratamentos específicos para manter a pele jovem por mais tempo.

A Medsystems, empresa que desde sua criação tem se preocupado e olhado para todas as necessidades dos pacientes, trabalha com equipamentos como Ultraformer, Lavieen e Quanta, que podem ser democráticos e atender a todos os fototipos, isso inclui tratamentos a laser para pele negra

Equipamentos indicados para procedimentos em pele negra

Ultraformer III

Tratamento a para todos fototipos. É um ultrassom micro e macrofocado que permite tratar mesmo a pele mais pigmentada, além de realizar protocolos contra flacidez, lifting facial sem cirurgia, bichectomia sem cirurgia, eliminação de gordura localizada e celulite.

BB Laser Lavieen

Laser que pode ser usado em pele negra, indicado para tratar manchas, escurecimento de axilas e virilhas. O Lavieen é um laser de Thulium, que age na junção da camada mais superficial e profunda da pele, onde outros lasers não alcançam. Além do tratamento de manchas, é ideal para tratar acne, fechar poros e rejuvenescer todo tipo de pele.  

Quanta

A linha Quanta de equipamentos a laser possui uma tecnologia inovadora de picossegundo que oferece uma enorme possibilidade de tratamentos para todo tipo de pele, entre eles: 

No caso do Quanta Q-Plus, ainda é possível oferecer epilação definitiva a laser e remoção de tatuagem para pele negra, algo impensável anos atrás e totalmente seguro. 

Agora que você já conhece as possibilidades para atender todos os tipos de pele em seu consultório, seja pioneiro e invista no melhor equipamento para sua clínica.

Diagnóstico de câncer de pele sem biópsia já é possível

Compartilhe
Veja os posts

RELACIONADOS


Faça uma
Cotação