Voltar para o site

Conteúdo 100%
dedicado ao bem-estar
e saúde da pele, elaborado e

revisado
por especialistas.

Autoestima pós-pandemia: 6 maneiras de apoiar seu paciente

11 de novembro 2021
por Redação
Tempo de leitura: 6 minutos

A pandemia mexeu com a autoestima das pessoas. Além dos já conhecidos danos à saúde mental trazidos por este momento complicado na história da humanidade, o sentimento com o próprio corpo, principalmente nas mulheres, também foi atingido. Esta queda na autoestima tem levado as pessoas a procurarem pelos melhores tratamentos para gordura localizada e outras queixas em clínicas de estética e dermatologia.

Este assunto também traz à tona uma questão importante que não é tão comumente discutida: O papel do cirurgião plástico no apoio à autoestima do paciente. Além de indicar o melhor tratamento para gordura localizada, papada, realizar procedimentos e tudo mais, também cabe ao médico apoiar a autoestima de seu paciente, vendo que é justamente esta que motiva as pessoas a procurarem as clínicas.

Afinal, de que adianta ter o melhor e mais moderno aparelho para queimar gordura localizada se a autoestima do paciente não é beneficiada pelo tratamento?

Por que as pessoas estão mais interessadas nos melhores tratamentos para gordura localizada e outras queixas ligadas à estética do corpo?

Muito já falamos aqui no blog sobre o boom do mercado de estética que tem se estendido desde o início da pandemia. Este aumento do interesse das pessoas no cuidado com a aparência não é mera coincidência: a percepção do próprio corpo também foi afetada pela pandemia do COVID-19.

Além do aumento de casos de estresse, ansiedade e depressão – todos fatores que também alteram a percepção e a relação do próprio corpo, acredita-se também que certos padrões comportamentais únicos do período pós-covid também tenham trazido à tona mais preocupações estéticas nas pessoas.

O cirurgião plástico Alan Landecker disse à revista Glamour que as videochamadas podem ter uma mão neste fenômeno. Como  reuniões de trabalho, encontro com familiares e amigos passaram a serem feitos remotamente, através de videochamadas ou videoconferência, os rostos das pessoas entraram em evidência para si mesmas.

O uso constante de máscara também contribui para o cenário. Com a região da boca e nariz cobertos em público, mais atenção tem sido voltada ao olhar, o que despertou um interesse em melhorar rugas, linhas de expressões e sinais de cansaço – como olheiras.

Esta nova evidência direcionada à face das pessoas é o que causou o aumento da procura por tratamentos estéticos para flacidez no rosto, manchas e outras queixas. Tendo em mente este cenário, é mais importante do que nunca para o médico saber orientar e apoiar seus pacientes na busca de uma melhoria na autoestima, com os tratamentos mais adequados de acordo com cada perfil.

5 maneiras de apoiar a autoestima do paciente

  1. Ouvir e entender as dores do paciente
    Um paciente interessado em conhecer os melhores tratamentos para gordura localizada quer fazê-lo por um motivo. E cabe ao médico entender bem qual é este motivo para poder aconselhar o melhor plano de ação.
    É importante que o médico esteja ciente de quais são as expectativas e objetivos do paciente com os procedimentos, para evitar que o mesmo se decepcione com os resultados, e também fazê-lo se sentir ouvido e acolhido. O paciente precisa saber que o médico está ao lado dele nesta busca, trabalhando junto para atingir a um objetivo em comum.
  2. Explicar os benefícios e limitações do tratamento
    Mesmo o melhor aparelho para queimar gordura localizada tem suas limitações, e estas devem ser bem explicadas para o paciente, como por exemplo, a prega máxima de gordura que ele trata e como vai entregar este resultado. É essencial que o paciente esteja perfeitamente ciente do que vai ou não vai conseguir alcançar com o método escolhido, quantas sessões serão necessárias e o tempo do aparecimento do resultado final.
  3. Não tenha medo de recusar tratamentos
    Muitas vezes, o tratamento que o paciente procura não é o mais indicado para o caso dele, ou talvez não seja nem necessário alguma intervenção. Nesta ocasião, não tenha medo de dizer não ao pedido original e de indicar caminhos mais compatíveis com os objetivos do paciente, realçando também da melhor forma a sua beleza natural.
  4. Tenha uma prática humanizada
    O trabalho do cirurgião plástico deve ser sempre alinhado ao aumento do bem-estar físico, mental e emocional do paciente. O fator humano é sempre o mais importante.Converse com o paciente, entenda suas dores e inseguranças. Aponte soluções para suas queixas sem fazer com que o mesmo se sinta para baixo. A beleza, afinal, é subjetiva.
  5. Mantenha-se informado sobre o assunto
    O estudo do médico nunca termina de verdade, não é mesmo? E para um cirurgião plástico, além de conhecer e dominar os melhores tratamentos para gordura localizada, esta é mais uma área importante para manter-se em atualização.
    Participe de simpósios e palestras sobre o assunto, se informe e se equipe para lidar com mais sensibilidade e compaixão com os seus pacientes.
  6. Aconselhe passagem com profissionais da saúde mental
    No fim das contas, orientação psicológica simplesmente não costuma ser uma especialidade de um cirurgião plástico. É sempre bom se manter informado, mas esteja ciente de suas limitações.

    Em casos de pacientes em que forem observados problemas mais graves de autoestima ou sinais de outras condições de saúde mental que podem estar causando sofrimento, não se acanhe ao aconselhá-la a considerar um tratamento psicológico. A autoestima está intimamente ligada à saúde mental, e muitas vezes uma mudança visual – embora possa ajudar temporariamente – não vai solucionar problemas emocionais mais profundos que a pessoa possa ter. 

    Um profissional qualificado da área será muito mais apto a resolver estas questões, e trazer uma maior aceitação e autoestima para o paciente.

Paciente feliz = clínica próspera

Se o trabalho do cirurgião plástico é melhorar a qualidade de vida do seu paciente através dos procedimentos e tratamentos oferecidos, apoiar o paciente é realizar um bom trabalho. Oferecer os melhores tratamentos para gordura localizada, rugas, manchas, ou qualquer outra queixa inclui a satisfação do paciente com o tratamento e seu visual repaginado. Desta maneira, a prática humanizada anda de mãos dadas com a prosperidade de uma clínica de cirurgia plástica.

Investir em compaixão e nas melhores tecnologias de mercado para tratamentos corporais e faciais é o melhor caminho para movimentar seus negócios, aumentar a visita dos pacientes e preservar a imagem da sua clínica.

Você também pode gostar de

Mais lidas

LER MAIS Diagnóstico de câncer de pele sem biópsia já é possível LER MAIS Cirurgião plástico: seu paciente quer tirar a papada sem cirurgia. E agora? LER MAIS Batalha dos lasers: Quanta System e outras tecnologias

Qual o papel do médico na busca
de tratamentos estéticos por
pacientes cada vez mais jovens?

Baixar E-book

INSTAGRAM

A MedSystems é uma empresa
referência no mercado há mais de 14
anos, que importa e comercializa
equipamentos de alta tecnologia
para atender aos médicos
especializados em procedimentos
clínicos e estéticos.
CONTATO
São Paulo - SP
Rua Pequetita, 145

Vila Olímpia

CEP 04552-060

+55 (11) 5180-5050
REDES SOCIAIS
A MEDSYSTEMS INFORMA
Não garantimos os mesmos resultados das
imagens acima, pois o número de sessões
necessárias e os resultados podem variar
de paciente para paciente.